Apaixonados por café: a história por trás do grão

28 jun, 2021 | Dicas | 0 Comentários

Seja de manhã, na pausa após o almoço ou no finzinho da tarde, o café faz parte da rotina dos brasileiros. Para acompanhar, talvez bolo ou pão de queijo, mas, geralmente, uma boa conversa basta.

A paixão pelo café cresceu tanto que os brasileiros passaram a investir em grãos de qualidade, além de outros métodos para fazer a bebida. Essa mudança não é por acaso. Afinal, se o café puxa um bom bate-papo, por que não tornar essa experiência ainda melhor?

Por isso, se você também é apaixonado por café, vem com a gente conhecer um pouco da história desse grão e descobrir métodos incríveis para sair da rotina. Confira!

 

Breve História do Café

O café é uma planta de origem africana, mais precisamente das regiões Cafa e Enária, na Etiópia. Alguns historiadores acreditam que Cafa pode ter sido a responsável pelo nome “café”.

A partir da descoberta, o grão foi levado para os diversos lugares do globo, começando pela Arábia. Os árabes tentaram manter o monopólio do mesmo, que já assumia importância social e medicinal à época. No entanto, no século XVI, o café conquistou também o Egito e logo depois a Turquia.

Já no século XVII, passou a ser muito consumido na Europa, principalmente na Itália e Inglaterra. Com as navegações, o café chegou às Américas e aos Estados Unidos, este último sendo atualmente o maior consumidor mundial da bebida.

No Brasil, o primeiro cultivo de café começou no Pará, ainda no século XVII. Em 1760, o Rio de Janeiro também iniciou o plantio dos grãos. No entanto, com o empobrecimento do solo fluminense, houve a migração para o oeste paulista, em meados do século XIX.

 

O Café no Brasil

Atualmente, o Brasil é o maior produtor do mundo desse pequeno grão, sendo responsável por 49 milhões de sacas em 2019. Com um número tão expressivo, não é difícil imaginar a enorme diversidade e qualidade de grãos.

As espécies Arábica e Canéphora (conhecidas como Conillon ou Robusta) são as mais comuns. Até pouco tempo, o país dedicava os melhores grãos para exportação.

No entanto, a tendência atual é justamente o caminho inverso, uma vez que o café vem sendo valorizado em solo nacional. Assim, a indústria passou a gerar produtos de maior qualidade para os consumidores locais.

 

Métodos diferentes e apaixonantes

Quem é apaixonado por café sabe que existem vários métodos incríveis que vão além do coador de pano. Os mais comuns, além do clássico filtrado, são a moka italiana, que produz um café potente, e a prensa francesa que confere mais suavidade à bebida.

Mas por que não explorar outras possibilidades desse grão maravilhoso com métodos não tão conhecidos por aqui? Separamos três modos de preparar café para você se encantar com a variedade de aromas e sabores.

 

Chemex

Filtrado? Sim! Mas com a Chemex o resultado é bem diferente do coador de pano ou de papel comum. A cafeteira possui um filtro grosso, com tripla camada, o que faz com que os óleos presentes nos grãos moídos sejam absorvidos.

A Chemex é feita de vidro resistente a altas temperaturas. Possui formato de ampulheta e tem um anel de madeira envolto em um laço de couro. Vale para momentos em que se deseja degustar um café com calma.

 

Aeropress

A pressão é o grande diferencial desse método de café. Na cafeteira Aeropress, a água precisa ser colocada quente no recipiente com os grãos moídos, e, após cerca de 1 minuto de infusão, é necessário pressionar manualmente sobre uma xícara.

O resultado desse método é um café forte e com grande intensidade aromática. Também é opção perfeita para quem quer beber um expresso de forma rápida e despretensiosa, sem deixar de lado uma experiência diferenciada.

 

Café Turco

Um dos métodos mais antigos do mundo, o café turco é espesso, não filtrado e apresenta um equilíbrio entre potência e suavidade. Ou seja, atende a todos os tipos de paladar.

Feito a partir da infusão com café de moagem extra-fina, é uma boa opção para quem busca incrementar a bebida com especiarias, como a canela. O método é simples e prático, mas exige os materiais corretos para garantir o melhor resultado.

Para o preparo do café turco, utilize um recipiente adequado, com a Ibrik, da Ceraflame. Ferva 100 ml de água e, após, adicione uma colher de café moído fino. Espere uns minutos para que os sedimentos do café fiquem no fundo. Pronto, é só servir.

O Ibrik de cerâmica é o material mais recomendado para um café turco saboroso e saudável. Totalmente atóxico e resistente a choque térmicos, ele vai garantir que o método seja feito com mais segurança.

Veja o passo a passo para preparar um café turco:

 

Agora que você conheceu um pouquinho da história do café no mundo e os métodos mais incríveis para fazer a bebida, que tal se arriscar? Escolha o modo de preparo que mais combina com você e sua rotina e mão na massa!

Não deixe de acompanhar o nosso Blog e receba novidades e dicas quentíssimas todas as semanas!

 

[Catálogo] Conheça a nossa linha completa de peças artesanais em cerâmica! | Baixe o catálogo | Ceraflame | Certa Cerâmica

Gostou do conteúdo? Confira outros assuntos que podem ser interessantes para você!

10 de Julho: Dia da Pizza

10 de Julho: Dia da Pizza Hoje, 10 de julho, celebramos o dia da pizza! A pizza é uma das delícias mais queridas ao redor do mundo. Esta data especial é uma oportunidade perfeita para conhecer um pouco mais sobre a história dessa iguaria, curiosidades interessantes e...

Julho Amarelo: Conscientização sobre as Hepatites Virais

Conscientização sobre as Hepatites Virais: Julho Amarelo O mês de julho é dedicado à conscientização sobre as hepatites virais, um grupo de doenças infecciosas que afetam milhões de pessoas em todo o mundo. O objetivo do Julho Amarelo é informar a população sobre as...

Milho: um ingrediente que o Brasil ama!

O Milho: Um Tesouro Brasileiro O milho é um dos ingredientes mais emblemáticos e versáteis da culinária brasileira. Originário das Américas, ele foi cultivado pelos povos indígenas muito antes da chegada dos colonizadores europeus. No Brasil, o ingrediente encontrou...

Receita de camarão na moranga: tradição e sabor em cada mordida

Receita de Camarão na Moranga: Tradição e Sabor em Cada Mordida Na Ceraflame, a tradição e a inovação se encontram para criar pratos que encantam todos os sentidos. No texto de hoje apresentamos a todos vocês, que assim como nós amam frutos do mar, uma receita...

Arroz e feijão: a mistura brasileira que amamos!

  O arroz e feijão são indiscutivelmente a dupla mais icônica da culinária brasileira e suas origens remontam a séculos de história e tradição. O arroz é cultivado há milênios em várias partes do mundo, com registros de seu cultivo desde a Antiguidade na Ásia,...

RECEITA: Risoto Primavera

Prepare uma refeição rápida e nutritiva com apenas uma panela! O risoto primavera é uma delícia e vai encantar a todos com o seu sabor!

Orgulhosamente produzido por nós para WALT DISNEY

  Nos anos 90, a nossa empresa encantou colecionadores e fãs da Walt Disney ao lançar uma linha especial de canecos inspirados nos adoráveis personagens do mundo mágico de Walt Disney. Esses canecos, verdadeiras relíquias para os aficionados por colecionáveis,...

RECEITA: Spaghetti de cenoura com ervilhas e tomatinho cereja

Bem-vindos ao universo de sabor e saúde da Ceraflame! Em nossa jornada culinária de hoje, estamos trazendo uma receita simplesmente irresistível: Spaghetti de cenoura com ervilhas e tomatinho cereja. Na Ceraflame, sabemos que momentos em família são preciosos, e é por...

Chimarrão: consumo saudável, cuia certa e benefícios para sua saúde!

Os Inúmeros Benefícios do Chimarrão para a Saúde: Descubra a Opção Saudável com Ceraflame No coração do sul do Brasil, o chimarrão é mais do que uma simples bebida; é um símbolo de convívio, tradição e, surpreendentemente, de saúde. Esta infusão de erva-mate,...

Tipos de sal: qual o mais indicado para consumo?

O sal é um dos condimentos mais antigos e amplamente utilizados pela humanidade, tendo uma história rica e fascinante que remonta a milhares de anos. Além de seu papel na culinária, o sal desempenhou um papel significativo na economia, religião e saúde ao longo dos...

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *